segunda-feira, 15 de abril de 2013

Sindicalistas emitem nota de esclarecimento e repúdio à atitude da prefeita de Maragogipe


POSTED BY ZEVALDO SOUSA ON 19:11:00

A reunião que estava marcada para o dia de hoje, 15 de abril, às 16h, acabou não acontecendo devido o fato da gestora municipal Vera da Saúde não querer receber todos os representantes sindicais, mas somente alguns representantes. O fato chocou os sindicalistas, que indignados, reuniram-se na sede da APMM, para decidir os rumos da campanha salarial 2013.

Leia a nota de esclarecimento:


O SIFUPREMA (Sindicato dos Funcionários da Prefeitura de Maragogipe), a APMM (Associação dos Professores Municipais de Maragogipe), a AASPEM (Associação dos Agentes de Saúde e dos Programas de Endemias de Maragogipe), a AGMEM (Associação dos Guardas Municipais e Escolares de Maragogipe), o SINDACS-BA (Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde da Bahia), a FEBAGUAM (Federação Baiana dos Guardas Municipais) e a FORÇA SINDICAL, esclarece aos maragojipanos os últimos acontecimentos da negociação salarial 2013 entre os servidores públicos e o Executivo Municipal.
Os representantes dos servidores vem, desde janeiro de 2013, tentando abrir uma mesa de negociação com o Executivo Municipal para tratar de questões importantes para o funcionalismo, que vai desde o aumento salarial a valorização dos profissionais. No entanto, em momento nenhum, houve uma resposta aos inúmeros ofícios no sentindo de sentar para negociar com qualquer das categorias, o que houve foi uma imposição salarial e não uma negociação, como manda as leis e o bom senso. Depois de muito tempo e uma paralisação de advertência dos servidores foi proposta uma nova negociação marcada para segunda-feira, dia 15/04/2013, às 16 horas. No entanto, o cúmulo do autoritarismo ocorrera neste dia, quando o Executivo Municipal se negou a receber alguns dos dirigentes das representações classistas, sem dar mais esclarecimentos, inaugurando uma era obscura e com um futuro funesto para os servidores públicos municipais na luta pelos seus direitos.

Estamos repudiando a atitude incoerente e autoritária da Chefe do Poder Executivo Municipal.

Portanto, estamos convocando todos os servidores públicos municipais para uma Assembleia Geral, nesta quarta-feira, dia 17, às 09h da manhã, na Terpsícore, para tratarmos da campanha salarial e decidirmos o rumo do movimento. Sua presença é indispensável.

Quando não defendemos os nossos direitos perdemos a nossa dignidade. E dignidade não se negocia.
Edmário Ferreira dos Santos
Presidente do SIFUPREMA
Lilian Denise da Silva Sicopira
Presidente da APMM
Mário dos Santos
Presidente da AASPEM e Coordenador do SINDACS-BA
Nelson da Silva Querino
Presidente da FEBAGUAM
Elton Ariovaldo Assis Santos
Presidente em Exercício da AGMEM
Irailson Warneaux
Diretor de Formação Sindical da Foça Sindical

Reações:

0 comentários: